terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

Vens

Billie K.: Sweet Dreams (detalhe)


















12


vens
caindo
pela dor
acomodando

nuas palavras
à ferida de ter
perdido. a face é
pequena para sentir

o que em nós sobrevive
no instante em que a voz
desce as sombras desse dia

onde voltar já não se escreve
com medo das marés. podes agora
subir: é como estar (de novo) na luz



João Luís Barreto Guimarães
in Rua Trinta e Um de Fevereiro (1991)

6 comentários:

  1. Só vim dizer olá. passar um olhar breve e deixar a pergunta: porque a temática do aniversário? Quem mais é aquariano como eu?
    Voltarei para ler com atenção e ouvir, claro!

    ResponderEliminar
  2. Susana, com a tal "Birra bloyeurística" acabaste por não ler a mensagem (comentários) do dia 29 de Janeiro...

    ResponderEliminar
  3. ÉS AQUARIANO!!! As birras pagam-se caro... estou envergonhada...
    Ainda vou a tempo de dizer PARABÉNNNNNSSSSS? se eu gritar muito, muito alto fará éco na abóbada celeste e sentirás um som do passado. Um eco do dia 27.
    PARABÉNNNNNSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS!

    Ouviste?

    (bolas... continuo envergonhada.)

    ResponderEliminar
  4. Vou...

    Beijinho... lindo poema.

    ResponderEliminar
  5. Eu não vou.
    Fico onde estou.
    Mas envio um sorriso :)

    Fátima.

    ResponderEliminar
  6. sim... a face é
    pequena para sentir

    o que em nós sobrevive
    no instante em que a voz
    desce as sombras (em alguns) dia
    ... gostei do poema...

    e sim... a máscara no meu rosto não esconde nada... apenas um adereço, sim!!! :-)

    Um abraço
    ana claudia

    ResponderEliminar